Bolsa Jovem – o que é e como funciona

O Bolsa Jovem é resumidamente, um aumento no benefício do bolsa família referente ao jovem de 16 e 17 anos. Isso porque o benefício é variável de acordo com a composição familiar. Dessa forma, para famílias que possuem crianças com idade de 0 a 15 anos é acrescentado R$ 39,00 por filho. O Bolsa Jovem por sua vez,  tem um valor um pouco mais alto. Quando o adolescente tem entre 16 e 17 anos, ele passa a receber um benefício de R$ 46,00 por mês.

Importante: cada família inscrita no programa pode acumular no máximo doi benefícios do Bolsa Jovem. Ou seja, passando de dois jovens, não importa quantos outros existam na família, o máximo que eles poderão receber é R$ 92,00.

Mais importante ainda: todas as famílias em situação de pobreza podem acumular o benefício básico (de R$ 85,00 por mês) mais os beneficios variáveis. No entanto o valor total por mês não pode ultrapassar o valor de R4 372,00 . Não importa quantos filhos a mais as famílias tenham.

Desde 2003, o Bolsa Família vem ajudando milhares de brasileiros em situação de vulnerabilidade social. Essas famílias recebem um auxílio financeiro básico do Governo Federal todo mês, para assim poderem ter condições minimamente dignas de sobrevivência. Assim podendo arcar com despesas relacionadas à alimentação, educação e saúde e poderem assim, continuarem vivendo, trabalhando, estudando e se aperfeiçoando profissionalmente.

Entenda o seu outro benefício, o ID Jovem lendo o artigo: ID Jovem – Identidade Jovem | Tire suas dúvidas!