Entidades estudantis lançam Plano Emergencial para a Educação

Secundaristas, universitários e pós-graduandos estão atentos à situação do país e sugerem medidas para enfrentar crise

A UBES, UNE e ANPG lançam hoje (25), o Plano Emergencial para Educação com ações que visam enfrentar a situação provocada pelo novo coronavírus, o Covid-19. O documento possui direcionamentos e possíveis soluções para a Educação nesse contexto de quarentena, essencial para preservar a vida das famílias.

O plano apresenta ações essenciais para a escola, universidade e a pesquisa. Dentre os pontos importantes destacados pelos secundas, a garantia da merenda pelas secretarias da educação é primordial. No começo da semana, a UBES lançou a campanha “As aulas estão suspensas, nossa fome não!” para que as redes de ensino não interrompam o fornecimento de alimentação para estudantes que precisam.

Secundaristas se preocupam também com a possibilidade de ensino à distância nesse período, o que poderia causar ainda mais desigualdade entre os estudantes. “Na impossibilidade da garantia do acesso à computadores a todos os estudantes de escolas públicas do país que seja desconsiderada a alternativa de Ensino a Distância”, diz o documento.

O documento está em construção permanente, pois novas demandas têm surgido todos os dias. Qualquer estudante pode enviar contribuições pra serem adicionadas no plano, só enviar sua sugestão para nossas redes sociais ou e-mail.