DNA da Rebeldia: Programação da UBES na Bienal terá luta e ciência

Entre os dias 19 e 23 de maio, secundaristas do Brasil todo têm um encontro marcado na programação da Bienal da UNE - Festival dos Estudantes

A União Brasileira dos Estudantes Secundaristas convida estudantes do Brasil todo a se reunirem no DNA da Rebeldia, entre 19 e 23 de maio de 2021, para compartilhar conhecimento e resistência. A programação acontecerá dentro da 12º Bienal da UNE, ampliada para Festival dos Estudantes, com participação da UBES e da ANPG. Haverá diversas atividades online, incluindo uma mostra secundarista de Ciência e Tecnologia .

“A rebeldia consequente, com causa, é o nosso DNA! Acredito que nós, secundas, temos isso em comum: acreditar no futuro, no conhecimento e produzir saídas para que nosso país volte a sorrir”, explica a presidenta da UBES, Rozana Barroso.

A estudante Luiza Coelho, organizadora da mostra secundarista de Ciência e Tecnologia, destaca que, mesmo em tempos tão difíceis e de discursos contrários à ciência e à cidadania, secundas continuaram produzindo. “De mochilas anti-Covid a medidores de temperatura wi-fi”, exemplifica. A mostra está com inscrições abertas.

>> Se inscreva para participar da Bienal dos Estudantes e DNA da Rebeldia

UBES na Bienal pela segunda vez

“É a segunda vez que a UBES integra a Bienal, mas dessa vez nós não iremos até ela, ela que virá até nós”, explica Daniela Moura, diretora de Cultura da UBES.

A Bienal da UNE é o maior festival estudantil da América Latina e costuma acontecer a cada dois anos. Em 2018, virou um grande festival também com a participação da UBES e da ANPG, para unificar a resistência frente ao desmonte da educação do governo Bolsonaro. Nessa segunda edição, online, estudantes mostram mais uma vez que são mais responsáveis que o governo federal também em tempos de pandemia. 

>> Siga a UBES nas redes sociais para acompanhar o lançamento da programação completa!


https://www.instagram.com/p/COI7BSwBwXC/