JORNADA NACIONAL DE LUTAS PELO ENSINO TÉCNICO

Em fevereiro, a UBES lançou a Jornada de Lutas do Ensino Técnico, para mobilizar os milhões de estudantes das escolas profissionalizantes, colégios, institutos e centros espalhados pelo Brasil.

O país retomou recentemente os investimentos nessa área, fundamental para o desenvolvimento nacional soberano e forte. Os estudantes querem mais qualidade para o ensino técnico, infraestrutura e mais assistência estudantil.

A UBES está do lado do Brasil, da sua indústria, do desenvolvimento da ciência e da tecnologia, apostando no crescimento do país. Ao contrário daqueles que querem privatizar a mais importante empresa brasileira, a Petrobras, a UBES quer é fortalecê-la. Os secundaristas fizeram parte da campanha “O Petróleo é Nosso”, na década de 1950, e continuam lutando pelo nosso progresso.

Foi esse espírito que levou a UBES a conquistar também, junto com o movimento educacional, a aprovação do Plano Nacional de Educação, com 10% do PIB investidos nesse setor e os recursos dos royalties do petróleo e do fundo social do pré-sal para o ensino do país.

Queremos mais desenvolvimento, mais estrutura para as escolas técnicas, mais amor, menos ódio, mais diversidade e combate aos preconceitos. Vamos também lutar pelo futuro do país, pelos avanços e contra os retrocessos daqueles que querem um golpe sobre nossas instituições.

Junte a sua turma e organize na sua escola atividades como reuniões, encontros e debates. Vale também promover apresentações de peças de teatro, bandas, ler poesia, fazer intervenções culturais. O importante é mostrar que queremos:

1. Criação do plano nacional de assistência estudantil para o ensino técnico!

2. Passe-livre Irrestrito para todos estudantes brasileiros

3. Regulamentação da meia-entrada em todo o país

4. Auxílio material didático,

5. Biblioteca on-line para os alunos das escolas técnicas

6. Restaurante estudantil em todas as escolas

7. Creches para as mães estudantes

8. Qualidade no transporte público

9. Conclusão das obras inacabadas

10. Espaços poliesportivos nas escolas e institutos